agosto 30, 2010

Entrevista legendada com a autora Geneen Roth

Yatta!!!*

Fim de semana tranqüilo, mas fiquei com dor de cabeça ao usar o micro e não deu para atualizar o blog.

Na sexta, como sempre terminei a noite num boteco com os colegas de trabalho. Nem quis contar as calorias do abara, churrasquinho e da cerveja, mas prometi a mim mesma moderação na próxima semana! Sábado, fui ao Bon Odori, Festival de Cultura Japonesa. Adorei! Dancei, não comprei nada (tudo caro) e comi (educadamente) sushis e um doce delicioso chamado Dorayaki . Ontem, foi o dia árabe, o menu do almoço e jantar foi kibe de forno com queijo e pimenta calabresa para abrasileirar!

Continuo comendo segundo a minha vontade e consciência, rs. Nada de dieta ou lista de alimentos proibidos. Estou optando por alimentos mais saudáveis como os integrais, granola, iogurte, frutas, salada etc. E ai tinha que me pesar para ver se a minha opção estava me ajudando a emagrecer. Resultado: 64,3! Diminui 700g em uma semana onde comi de torta de morango a abará e sem malhar! :)

Reflexão do dia (Mulheres, Comida e Deus)

“ o nunca conseguir perder alguns quilos é necessário para que elas se entendam. A guerra permanente com a comida e com o tamanho do corpo é importante para serem amadas...A alimentação emocional é uma tentativa de evitar a ausência (de amor, de conforto, de saber o que fazer)...”  Geneen Roth

*Yatta = Espressao em japonês usada para quando se consegue algo

agosto 26, 2010

Água para emagrecer


Mais um dia corrido e cansativo! Não vou escrever da forma que deveria para explicar sobre o livro. Posso dizer que comi o que precisei e um pouco do que desejei. Já é um caminho!

ÁGUA - Um pouco antes da refeição


Aquele antigo truque de beber dois copos de água antes das refeições ganhou comprovação científica.
Uma pesquisa realizada pela Universidade Virginia Tech (EUA) por três meses mostrou que as pessoas ingerindo o liquido antes das refeições perderam 7,5 quilos, enquanto os adeptos de uma dieta de baixa caloria conseguiram eliminar "apenas" 5,5 quilos.
O estudo sugere que a água pode ajudar a reduzir as calorias ingeridas por preencher o estômago, fazendo o indivíduo se sentir mais satisfeito, ou tornado menos provável a opção por tomar bebidas açucaradas durante as refeições.

Fonte: http://br.noticias.yahoo.com/s/26082010/11/saude-agua-da-refeicao.html

agosto 25, 2010

De Ponta a Cabeça!


Hoje comecei a ler Mulheres, Comida e Deus. E tudo mudou!

Impossível ler esse livro e ficar imune as suas idéias ou continuar testando dietas de todos os tipos. 

Acabei de chegar da rua, foi um dia ótimo!  Me sindicalizei, um grande passo para quem não gosta de se comprometer com nada! Fui ao shopping com Lu para atualizar as resenhas e terminei a noite no encontro semanal do CS com os amigos da velha guarda e também os mais novos! 

Agora to super cansada para falar mais sobre minha mudança, mas deixo um trecho do livro para reflexão:

“ Em vez de usar a comida para evitar desconforto, vamos aprender a tolerar o que consideram intolerável....Só recentemente entendi que a parte radical não foi ter decidido de parar de fazer regime , mas ter decidido parar de tentar me consertar.”
                                                                      Geneen Roth

agosto 24, 2010

Se Ligue!

Dieta "meia boca"


Mais um dia de dieta meia boca. Pelo menos, eu fui a mercado e consegui comprar tudo para a dieta da proteína. Amanhã, reinicio a fase 1, para dar uma turbinada de novo. Em relação ao peso, mantive os 65kg da sexta-feira. Não consegui ir a academia por causa da garganta, gripe e dor de cabeça e tudo mais. Continuo na duvida se pago  125,00 pra fazer esteira e musculação 2 x semana ou monto uma mini academia. Vou analisar melhor a idéia. Enquanto isso, eu tenho até dia 5/9 para usufruir da academia.

Dieta: South Beach - fase 1
Período: 25/8 a 31/8 (semana 4)
Peso atual: 65kg - Meta real: diminuir 2 kg - Meta imaginaria: diminuir 3kg
Complementos: musculação 3 x semana, 30 min esteira/aerobico



13 dicas para continuar sua dieta

Por vezes é mais fácil começar uma dieta do que mantê-la: as tentações são muitas, a sensação de fome pode ser desconfortável ou pode simplesmente não acertar com a melhor dieta para si. Saiba como manter-se firme com a dieta, nas alturas quando só lhe apetece desistir.
  1. A dieta ideal: Escolha uma dieta que combine com a sua personalidade, gostos alimentares e estilo de vida – será meio caminho andado para o sucesso.
  2. Consulta marcada. Se tem grandes dificuldades em manter uma dieta, uma boa opção é passar a ser seguido por um nutricionista. Para além de contar com um acompanhamento personalizado, terá consultas regulares com o mesmo, o que permite seguir o seu processo.
  3. Diário alimentar. Um dos melhores métodos para manter uma dieta sem qualquer acompanhamento profissional, é manter um diário alimentar, com este registo detalhado será mais fácil verificar onde estão as suas fraquezas e os seus pontos fortes no que toca à alimentação, assim como monitorizar os sucessos e melhorar as áreas de maior tentação.
  4. Estabeleça objetivos e comemore sucessos. Será mais fácil ser bem sucedido na sua dieta se estabelecer metas alcançáveis e realistas, ou seja, “quero perder 2 quilos num mês” – monitorize os seus progressos através de um diário ou registro de perda de peso online e focalize-se no fato de que são apenas 30 dias. No final, se conseguir atingir o objetivo, comemore. Depois, delineie o próximo objetivo e dieta para a frente!
  5. Longe da vista, longe da boca. Livrar-se de tudo o que é doce, gorduroso e altamente calórico, enchendo antes a geladeira e a dispensa com alternativas saudáveis e baixas em calorias.
  6. Antes e Depois. A visualização é uma das melhores formas de atingir objetivos, por isso, coloque na porta da geladeira ou no espelho do banheiro uma fotografia de como você está agora e outra com uma imagem daquilo que quer atingir com esta dieta.
  7. Privação não. O maior inimigo de uma dieta bem sucedida é a privação total, ou seja, deve permitir-se um pequeno prazer ao longo de toda a duração da dieta.
  8. Aprenda a comer fora. É apenas uma questão de bom senso: aprenda a fazê-lo corretamente e verá que não tem de abdicar de sair só por causa da dieta.
  9. Não desista. Só porque na noite anterior foi a um jantar de aniversário e cometeu alguns excessos não quer dizer que tem de dar por terminada a dieta! Abusou? Compense no dia seguinte.
  10. Não passe fome. Fazer uma dieta e conseguir alcançar a perda de peso desejada não implica que tenha de passar fome – se o fizer, não está a seguir uma dieta alimentar saudável.
  11. Quebre a monotonia à mesa. Estar de dieta não quer dizer comer as mesmas comidas desenxabidas todos os dias – aproveite esta altura para pesquisar algumas receitas novas.
  12. Apoio emocional. Embora seguir uma dieta, com a esperança de ser bem-sucedido, não seja tarefa fácil, pode tornar-se mais agradável e até divertido se tiver um amigo ou familiar a acompanhá-lo. Em alternativa, procure apoio emocional e motivacional num fórum de dietas.
  13. Mantenha-se ocupado. Ao incluir o exercício físico no seu dia-a-dia irá não só auxiliar a perda de peso, como sentir-se-á mais motivado para seguir uma deita alimentar saudável… e é uma excelente maneira de ocupar o tempo!
Fonte: http://aminhadieta.com/artigos/13-dicas-para-nao-desistir-dieta

agosto 23, 2010

Mercado? Academia? Só amanha!

Amanha é dia de pesar e postar o cardápio de hoje no site do desafio.

O fim de semana foi agitado apesar da garganta incomodar e muito! City tour por bares de Salvador, comendo mais que bebendo. Iguarias típicas daqui: escondidinho de camarão, caldo de sururu, sorvete de tapioca, bolinho de peixe ao som do samba de roda. Pelo menos foram petiscos divididos por todos, menos calorias pra mim!

Mercado? Academia?Só amanha!

Por falar em academia, os meus horários trocados me fazem pensar seriamente em ter uma mini-academia em casa, apesar de morar num prédio que tem um condomínio astronômico, a academia daqui é acabadíssima!

Academia em casa

Para quem está com a agenda apertada, mas com o orçamento de folga, ter uma academia na sala ao lado, dentro de casa, pode ser uma alternativa prática, que ainda permite um treinamento personalizado e mais adaptado às suas necessidades e ao seu preparo físico. No entanto, antes de sair por aí comprando equipamentos e acessórios, sem a orientação de um profissional, o futuro praticante corre o risco de gastar mais do que deve e ainda pode adquirir itens supérfluos.

“Supondo que você queira fazer um investimento financeiro baixo e não tenha grandes experiências com a atividade física. Então, não vai comprar equipamentos mais pesados, mas, sim, peças como elástico, uma fitball e alguns halteres com diferentes pesos”, explica.

Para quem está começando, o especialista recomenda a compra de pares de halteres com peso fixo, colchonete, fitball, bandagens elásticas e uma corda de pular. “Esse seria o mínimo indispensável para que a pessoa consiga fazer alguma atividade física”, comenta, acrescentando que o custo, neste caso, ficaria entre R$ 400 e R$ 500.

À medida que vai progredindo, o praticante precisa acrescentar mais aparelhos à sua academia particular. Na fase intermediária, o ideal é ter o aparelho multifuncional, que reúne várias estações com propostas de oito, dez ou até 12 exercícios. “Além disso, uma bicicleta ergométrica ou esteira ergométrica”, O gasto pode saltar para algo em torno de R$ 8 mi.

Para um nível mais avançado – não só na parte física, mas também na financeira – o praticante pode colocar os chamados equipamentos modulares, que exigem um espaço maior, para acomodar quatro, cinco ou até seis deles. “Tem um módulo em que ele pode fazer a flex extensão do joelho, por exemplo, um outro módulo que faz as puxadas e remadas, um outro módulo que faz o trabalho de peitoral e deltóides. São equipamentos segregados, sendo que cada um pode executar alguns movimentos, mas não tantos como os funcionais”, explica Moscatello.

Fonte: infomoney

agosto 20, 2010

Na correria

                            



Gente, a semana foi como sempre movimentada e ainda não consegui ajustar o fuso horário do trabalho. Termino chegando cansada e nem atualizo o blog! Além disso, minha voz foi para o espaço. Agora, eu deveria estar dando aula, mas estou aqui blogando... sem condições de falar, só teclar. Logo eu que amooo falar muito.



Já encomendei meu livro de auto-ajuda que comentei no post passado. Nada de academia e muito menos atividade em casa, essa gripe me deixou mais preguiça do que já sou. Ainda não consegui fazer mercado. E por isso, nada de só proteínas. Estou comendo quantidade mínimas no almoço, ontem foi yakisoba e hoje escondidinho (comida feita com purê de aipim). Substituo o jantar pelo iogurte com granola e também o café da manha.  Me pesei ontem e diminui 300g. Estou com menos 500g J, de volta aos 65kg!


Quanto à academia, tô pensando seriamente e pedir para meu instrutor criar um programa para que eu possa fazer em casa e caminhar aqui na praça. Porque não fico presa a horários!


Amanha, se tudo der certo farei o bendito mercado. A lista tá pronta, pelo menos isso.


p.s: vontade incontrolável de comer doces, acho que é TPM, mas já encomendei um antídoto pra isso!



Truques Magros no Supermercado
                     

1) Não vá às compras com fome! Com fome compramos mais do que precisamos e já que os alimentos estão em casa, acabamos comendo-os.

2) Faça uma lista daquilo que realmente necessita, deixando o "supérfluo" de lado e comece suas compras pelo setor de hortifrutis , assim você enche o carrinho com frutas, verduras e legumes (que são volumosos) não deixando espaço para os outros ítens que geralmente são mais engordativos.

3) Evite o corredor de doces e salgadinhos, pois com as guloseimas vista fica mais difícil resistir às tentações.

4) Compare os produtos lendo os rótulos e escolha os menos calóricos e menos gordurosos, há muitas opções no mercado de produtos mais saudáveis e ao mesmo tempo muito saborosos.

5) Fique atento aos lançamentos, pesquisando novos produtos nas prateleiras. As novidades de produtos lights e mais saudáveis surgem a cada dia, porém não se iluda com as ofertas levando quantidades desnecessárias, pois podem aumentar as suas calorias diárias.

6) Evite parar em todos os "pontos de degustação", as porções servidas são pequenas, mas no final somam várias calorias.

7) Prefira os alimentos em água e não em óleo, o valor calórico destes últimos é muito maior, além de conter alta concentração de gorduras.

8) Na hora de escolher os cereais matinais, evite aqueles que possuem açúcar refinado na sua composição; há várias opções com mel, açúcar mascavo ou até mesmo não adoçados.

9) Prefira o peito de peru ao invés do presunto, pois é menos gorduroso e ainda você leva calorias a menos.

10) Opte pelos pães com fibras, pois são mais nutritivos, auxiliam no funcionamento dos intestinos e além disto, já existem vários pães integrais, de centeio, e outros, na versão light, com menos calorias.

agosto 17, 2010

Começar de novo

"  Começar de novo e contar comigo
Vai valer a pena ter amanhecido
Ter me rebelado... ter sobrevivido
Ter virado a mesa, ter me conhecido"

Gente! Ontem estava totalmente sem saco de postar qualquer coisa e tambem de fazer dieta. A ultima semana, eu não fiz 30% do que me propus e agora tô aqui refletindo meu fracasso em tentar fazer RA. Talvez, não seja o momento mesmo. Mas, lembrei de um post do Blog Pense Magro que fala do livro "Mulheres, Comida e Deus", pelo titulo é bem auto-ajuda e traz o seguinte questionamento:

"Você já parou para pensar que todas as nossas emoções se relacionam com o que comemos? Ansiedade, alegria, tristeza, excitação, hesitação, amor ou falta dele... Isto é porque o alimento não é simplesmente mera consequência, ele também está na origem de nossas emoções. Geneen Roth mostra como aquilo que comemos e a maneira como nos relacionamos com a comida está intrinsecamente ligado à maneira como nos sentimos e vemos a nós mesmos."

Em casa de ferreiro, espeto de pau! Acho que vou comprar esse livro! E por sinal, voltei a terapia. Tenho 2 deveres de casa para essa semana: arrumar meu quarto, aliás apenas 1 ponto (tá tudo uma bagunça só!) porque preciso ter foco e dar inicio ao meu site de atendimento on line, pelo menos já falei com a ag. de webdesign.


E voltando ao que interessa! Nem vou descrever o que comi durante a semana e o fds, apenas o que fiz certinho: activia mais granola no cafe da manhã. Hoje, recomeço a dieta da proteina. Me pesei agora e minha reguinha andou, para trás ;( acabei engordando 1,3kg e estou com 65,5. Hoje começa o desafio do Blog da Lu Francesa/desafio. Minha meta é chegar até o dia 21/9 com pelo menos 59 e algumas gramas! Ainda é tempo de recuperar.

Em relaçao a academia, não estou conseguindo ainda encaixar bem meus horarios e meu otimo instrutor fica apenas pela tarde. Ainda vou ver como resolver isso e manter pelo menos a frequencia de 3 dias por semana que me comprometi. Ainda tem essa chuva chata que nunca vai embora de vez!

Dieta: South Beach - fase 1 modificada*
Período: 17/8 a 23/8 (semana 4)
Peso atual: 65,5kg - Meta real: diminuir 2 kg - Meta imaginaria: diminuir 3kg
Complementos: musculação 3 x semana, 30 min esteira/aerobico

* vou manter a dieta da proteina, mas no trabalho só tem cafe com açucar e tambem vou continuar com a activia c/granola e fruta no cafe da manhã.

agosto 14, 2010

Eu vou pra Cachoeira, eu vou!


Gente, ontem não tive tempo de postar e amanha vou viajar para a cidade de Cachoeira para a festa da Irmandade da Boa Morte. Ou seja, uma festa cultural e gastronomica. Já fiz minha listinha de compras: licor de cupuaçu e cajá, requeijão e outras coisinhas do interior. A comida tipica da cidade é a famosa maniçoba, prato feito com a folha da mandioca.  Para queimar as calorias, vou ter que dançar muito samba de roda, dança que surgiu nesta região do Reconcavo.
Uma semana passou e eu não consegui me organizar e dar continuidade a academia e dieta. No more bad feelings!Relaxei! E segunda começo tudo de novo, do inicio!

Bom final de semanas para todos! Deixo um poema do Damario Dacruz,  escritor cachoeirense que criou o espaço Pouso da Palavra.


Todo risco
A possibilidade de arriscar
É que nos faz homens
Vôo perfeito
no espaço que criamos
Ninguém decide
sobre os passos que evitamos
Certeza
de que não somos pássaros
e que voamos
Tristeza
de que não vamos
por medo dos caminhos


agosto 12, 2010

Tudo ao mesmo tempo agora!


Mais um dia corrido: aula, shopping, aula! Fiz quase tudo menos Mercado. Tomei vários cafezinhos adoçados com açúcar e isso vai ser uma pratica diária na faculdade.  Em compensação, o almoço foi salada e salmão. Fim do dia, café capuccino e ½ torta salgada de tomate seco, como ceia minha mistureba com activia. Acho que só vou conseguir me organizar para o desafio, dia 17. Pelo menos, voltei a terapia e tenho que aprender a fazer uma coisa de cada vez, dentro do possível, não é momento de me cobrar metas acima da realidade. E quanto academia, não consegui conciliar nenhum dia, talvez amanha consiga um horário.



21 erros que atrapalham na dieta


1-Esquecer de pôr fibras no cardápio.
As fibras estão relacionadas à maior saciedade. Ou seja, menos fibras é igual a mais comida e, portanto, mais calorias. Cereais integrais, frutas, legumes e verduras respondem como boas fontes do nutriente. Provavelmente, uma alimentação carente nestes alimentos é composta por ingredientes mais calóricos, o que leva ao ganho de peso.


2- Repetir sempre o mesmo menu.

Pessoas que desejam emagrecer seguindo uma alimentação monótona desistem mais fácil do projeto de emagrecimento , constata Roberta. Variar os tipos de alimentos, texturas e sabores é um dos segredos para perder peso com saúde.

3- Pular refeições.
Ao pular refeições, você só faz com que a fome se acumule. Fome acumulada pode significar descontrole e excesso alimentar em algum período do dia , alerta Roberta. Além disso, não realizar, pelo menos, cinco refeições por dia, faz com que a quantidade de nutrientes importantes para o corpo não seja fornecida adequadamente.

4- Estipular metas difíceis de serem atingidas.
Segundo a responsável pela equipe nutricional do Minha Vida, Roberta Stella, estabelecer metas de grande perda de peso, em pouco tempo, pode surtir efeito contrário e levar à desistência do projeto. Estabeleça pequenas metas durante o processo de emagrecimento. As vitórias ao longo do caminho servem como estímulo e mostram que é possível chegar ao peso desejado , aconselha.

5- Beber pouca água.
Zero calorias e muitos benefícios.Mesmo assim, muita gente faz cara feia na hora de beber água (2 litros é a dose mínima por dia). Além de fundamental para se manter bem hidratado, o consumo de água durante o dia retarda a sinalização de fome. Portanto, ela está envolvida com a menor ingestão de alimentos, diminuindo as calorias diárias.


6- Comer depressa demais.
Quando você faz refeições rápidas demais não dá o tempo necessário para o cérebro entender que o estoque de alimentos foi reposto e que, portanto, você pode parar de comer. De acordo com Roberta Stella, é preciso reservar, pelo menos, 30 minutos para fazer as refeições. Ingira os alimentos calmamente, em um ambiente tranquilo, evitando comer na frente do computador ou da televisão , completa.

7- Extrapolar na quantidade dos alimentos.
A moderação é mais um segredo para ver o ponteiro da balança descer. Ingerir uma quantidade de alimentos além da necessária leva ao excesso calórico que, por sua vez, resulta no ganho de peso.


8- Dar importância desmedida ao regime.
Focar toda a sua atenção à dieta, não é nada estimulante. Pensar no cardápio equilibrado a todo momento leva a uma sensação de privação e punição por ter adquirido os quilinhos extras. Veja positivamente sua mudança de hábitos alimentares. Quando menos esperar, o emagrecimento vai aparecer , incentiva a nutricionista.

9- Beliscar o tempo todo.
Beliscar o dia todo faz com que você perca a noção da quantidade de alimentos ingeridos , afirma Roberta. O melhor a fazer é estipular horários para pequenos lanches entre as refeições principais. Isso ajuda muito a evitar qualquer tipo de excesso , garante a especialista.

10- Dispensar legumes e verduras.
Fazer dieta, para você, é sinônimo de cortar calorias (a inclusão de alimentos saudáveis é só um adicional). Grande engano, já que legumes e verduras são indispensáveis na mesa. Além dos inúmeros nutrientes que oferecem, os vegetais são ricos em fibras e saciam sua fome mais rapidamente. Deixar de ingeri-los leva a um maior consumo de alimentos e calorias, prejudicando assim, o emagrecimento , conta a nutricionista do Minha Vida.


11- Ignorar as informações dos rótulos.
As informações contidas nos rótulos dos alimentos são as melhores armas para os consumidores encherem o carrinho de compras saudáveis. Analisando as tabelas, dá para saber se a porção do alimento tem calorias excessivas, nutrientes importantes, ou ainda, se é rica em gorduras e açúcares.


12- Sofrer com a ansiedade pelos resultados.
Evite se pesar em diversos momentos do dia. A variação apontada pela balança é normal em diferentes horários e até em dias consecutivos. Essas mudanças, principalmente quando o ponteiro sobe, podem desanimar quem está de dieta , conta Roberta Stella, nutricionista do Minha Vida. Por isso, pese-se somente a cada sete dias, com menos roupas possíveis, no mesmo horário e na mesma balança.

13- Cometer deslizes nos finais de semana.
Muitas pessoas fazem um pequeno deslize se transformar em início da desistência do projeto de emagrecimento. Para se prevenir, fuja de situações que incentivam o excesso. Caso já tenha extrapolado, volte à dieta logo em seguida, sem restrições exageradas para compensar as calorias a mais , ensina a especialista.

14- Não praticar exercícios.
 Por aumentar o gasto calórico, as atividades físicas são excelentes meios para acelerar o emagrecimento. Outros pontos positivos dos exercícios é que eles diminuem a porcentagem de gordura corporal e aumentam a massa magra. Como os músculos queimam mais calorias, as atividades físicas ainda ajudam na manutenção do peso.

15- Ser fã dos chopinhos nas happy hours.
O típico encontro com os amigos após o expediente pode ser uma armadilha para quem quer emagrecer. Chope, batata frita, amendoim e salgadinhos esbanjam calorias e nunca faltam nas happy hours. Você não precisa deixar de sair com os amigos, mas proponha bares e restaurantes que oferecem opções de petiscos mais saudáveis.


16- Trocar as frituras pelos grelhados.

Se você ainda não se convenceu de que precisa substituir os alimentos fritos pelos grelhados, aí vai uma boa causa: eles têm o dobro ou mais calorias que suas versões assadas ou feitas na chapa. Prefira sempre o grelhado , enfatiza a responsável pela equipe nutricional do Minha Vida.


17- Ceder aos doces.
Na lista de campeões em gorduras e açúcares, os doces certamente levam a um excesso calórico. O conselho da nutricionista Roberta Stella é resistir ao máximo. Se a vontade for muita, opte pelas menores porções.

18- Acreditar em dietas milagrosas.
Segundo Roberta, as dietas altamente restritivas são caminho certo para o abandono do plano de emagrecimento. Opte por uma dieta equilibrada que faça com que a redução de peso seja gradual, mas efetiva , aconselha.

19- Incluir lanches entre as refeições principais.
Deixar intervalos grandes entre um prato principal e outro faz você chegar faminto às refeições. Não fique mais que quatro horas sem se alimentar. Garanta isso fazendo pequenos lanches , diz a nutricionista.

20- Exagerar na determinação
Quando a vontade por alguma tentação aperta, você resiste bravamente. A atitude exemplar nem sempre é a mais ideal. Acumular vontade pode levar a um descontrole mais adiante , alerta Roberta Stella. Se a vontade de comer um doce for muito grande, por exemplo, coma um bombom ou uma barrinha pequena de chocolate. Assim, você evita comer a caixa de bombons inteira em algum outro momento.


21- Tomar refrigerantes
Roberta explica que as bebidas gaseificadas dão uma falsa sensação de saciedade. O que acontece é que, logo após uma refeição, você volta a sentir fome mais cedo e passa a beliscar. Para acompanhar as refeições, opte por um copo de água ou de suco natural.

Fonte: Minha Vida